Notícias

O único trabalho de Da Vinci, permanecendo em mãos privadas, expôs na Christie's por US $ 100 milhões

A tela “Salvador do Mundo” (Salvator Mundi), reconhecida pelo trabalho de Leonardo da Vinci, será o maior lote de leilões em Nova York em 15 de novembro de 2017. O custo inicial do trabalho é de US $ 100 milhões. Representantes da casa de leilões Christie's relataram isso em uma conferência de imprensa em 10 de novembro."A maior descoberta do século XXI", "o Santo Graal da arte encontra" - de modo que os representantes da imagem da Christie.

A pintura "O Salvador do Mundo", como dizem, foi criada para a casa real francesa e, posteriormente, foi na coleção do rei da Inglaterra Charles I - ele se casou com a princesa Henriette Maria em 1625. Monarch foi executado em 1649, alguns anos depois, o trabalho foi vendido em leilão, mas em 1666, sob Charles II, ela novamente tomou seu lugar na coleção real. Desde 1763, os dados sobre a imagem não estão disponíveis, apenas em 1900, talvez essa foto danificada foi adquirida para uma coleção particular.
O trabalho apresentado presentemente pela casa de leilões (ilustração à esquerda, o tamanho da tela é de 64,5 cm por 44,7 cm) remonta a cerca de 1500 anos.

No total do mundo há menos de 20 pinturas de Leonardo da Vinci, representantes da ênfase de Christie - a formulação cautelosa nos lembra que as questões sobre a autenticidade de algumas obras ainda não estão claras. Curiosamente, a pintura “Salvador do Mundo” é apresentada como um lote especial do leilão “Pós-Guerra e Arte Contemporânea”. Os leiloeiros dizem que Leonardo influenciou toda a arte moderna e pode sempre ser considerado um mestre moderno.O trabalho foi mostrado ao público em uma conferência de imprensa em apenas duas horas.
Foto: news.artnet.com, Ilya S. Savenok (Ilya S. Savenok / Getty Images para a casa de leilões Christie's) Durante muito tempo, a imagem apresentada no leilão foi considerada uma cópia da tela perdida de Leonardo. Ela foi coberta com entradas posteriores e em 1958 vendida na Sotheby's por apenas 45 libras. Em 2005, Robert Simon, especialista em obras de antigos mestres, adquiriu um emprego em um leilão nos Estados Unidos, juntamente com um grupo de comerciantes de arte. A imagem já é falada como o trabalho de Da Vinci, e depois de uma restauração completa e remoção de registros web posteriores no Instituto de Belas Artes da Universidade de Nova York em 2007, surgiram razões para considerar a foto como um original genial.Trabalhe em uma exposição na National Gallery de Londres, 2011. Foto: bostonglobe.comEm 2011, o trabalho foi exibido na National Gallery em Londres, juntamente com outras obras de da Vinci na maior retrospectiva do mestre - o evento foi uma sensação. Foram especialistas ingleses, incluindo o diretor do museu, Nicholas Penny (Nicholas Penny), depois de consultar os maiores especialistas do mundo, reconheceram a pintura como pertencente a Leonardo e a incluíram no catálogo da exposição de obras do mestre italiano.O site da casa de leilões descreve detalhadamente tudo relacionado à restauração e análise do trabalho: os nomes dos especialistas dos principais museus mundiais são mencionados, eles falam sobre a técnica de execução, sfumato, golpes ... E também sobre o brilho especial inerente a todas as obras de Leonardo. Especialistas em algumas questões se referiram ao trabalho de Madonna in the Rocks, de Da Vinci, para comparação.Madonna nas Rochas (Madona na Gruta) Leonardo da Vinci 1508, 189,5 × 120 cm A pintura "Salvador do Mundo" foi vendida a um colecionador particular. Em 2016, a notícia do julgamento se seguiu: a tela, considerada a obra de Leonardo, foi vendida em 2013 por um grupo de revendedores por quase US $ 80 milhões a um negociante de arte suíço. Poucos dias depois, ele revendeu para o bilionário russo por US $ 47,5 milhões a mais, escreve o New York Times (a Sotheby's é mencionada, e trata-se de negociante de arte Yves Bouvier e Dmitry Rybolovlev - aprox. Red.). Representantes do leilão da Christie enfatizaram o fato de que todos os casos legais sobre esta questão foram resolvidos.Leia também: "Nu Gioconda" foi pintado pelo próprio Da Vinci, dizem especialistas do Louvre.Antes do leilão de novembro em Nova York, a foto será exibida em Hong Kong, São Francisco e Londres. Arthive: leia-nos no Telegram e procure no Instagram
Baseado em Christie's, nytimes.com, news.artnet.com, theguardian.com. Ilustrações, exceto conforme especificamente indicado: Christie's